A natureza na narrativa poética de João Miranda

Gisafran Nazareno Mota Jucá, Cícero Joaquim dos Santos, Samuel Pereira de Sousa

Resumo


A presente pesquisa pretende refletir sobre o cotidiano dos sertanejos na Chapada do Araripe, no Cariri cearense, e suas relações com a natureza durante a primeira metade do século XX. O trabalho, que dialoga com História e Literatura, vem sendo desenvolvido por meio da utilização de registros poéticos de um ex-agricultor, João Miranda, quem em sua velhice, escreveu versos narrando às experiências sociais do povo do lugar, em seu contexto infanto-juvenil, década de 40 e 50. Tais registros foram reunidos no livro Meu Pé- de- serra, utilizado como fonte metodológica. Assim, o trabalho aborda as rememorações dos sujeitos sociais, que por sua vez tem na natureza uma forma de compreender o mundo.


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.